domingo, 29 de junho de 2008

Ei, gente!

Vocês se lembram do Garfield?

Pois é. Essa semana eu estava fechando a porta dos fundos pra sair quando me deparei com ele todo tosado. Tomei um susto mas aí tratei de me recompor porque os bichos sabem quando estão diferentes e ficam tristes. Fui lá, fiz carinho nele e aí veio a surpresa: descobri que na verdade o Garfield é a Brigite! Ele é fêmea!!! Uma menininha!






Fato é que foi bom a dona dele, ops, dela ter tosado o pêlo porque estava muuuito embolado. Os pêlos dos gatos daqui são diferentes, são bem mais densos, provavelmente por causa do frio. E como é verão e tá bem quente, acho que a Brigite tá feliz, apesar da vergonha.

Achei o novo corte bem estiloso também, diferente....

Where the Hell is Matt? (2008)

Achei este vídeo por acaso no youtube e ele é simplesmente fantástico. Não sei direito a história mas parece que o Matt, o cara do vídeo, resolveu rodar o mundo fazendo sua dancinha escalafobética.
Esquisito ou não, a idéia foi fantástica porque parece que ele conheceu o mundo todo!

Bom, é que achei no blog de um amigo (na verdade ele postou um comentário puxando minha orelha) a história do Matt. Palavras do Rico Vilela:

"ex-programador americano Matt Harding, que virou celebridade na internet ao produzir o vídeo mais visto do YouTube em 2006, dançando uma dancinha um tanto estranha em 39 países. Matt intitula o vídeo de "Where the hell is Matt?" mostrando cada lugar em que ele passou para os amigos em um site pessoal. Já tinha visto esse vídeo a um bom tempo porém agora o cabrinha esta em um novo projeto viajando o mundo mostrando as pessoas que nele vivem e não lugares. Uma das paradas foi aqui no Brasil na semana passada, em Sampa no Ipiranga e no Rio em Ipanema. Com tantos pedidos feitos pelos fãs do vídeo aqui no Brasil, Matt resolveu prestigiar e veio gravar sua dança para agregar o novo vídeo que sai dia 21 de Junho. "

Confiram

quinta-feira, 26 de junho de 2008

Ei, minha gente!

Terça dia 24 de junho foi feriado aqui: Dia de Quebec. A verdade é que eu não sei bem o que aconteceu nesse dia pra ser feriado mas vou falar do que eu sei.

Eu sei que foi feriado pra comemorar Quebec e foi TODO MUNDO pra rua de azul e branco, que são as cores da bandeira da província, com a cara pintada, cheios de pinduricalhos e tals, igualzinho a torcida brasileira em época do copa do mundo. Isso significa TODO MUNDO FANÁTICO pelo Quebec.

E esse fanatismo é visto diariamente aqui. O negócio é que Quebec é uma província a parte aqui no Canadá. Tudo começou há muito tempo atrás. Quebec foi colonizada pelos franceses antes do resto do Canadá ser colonizado pelos ingleses. Em algum momento, houve uma guerra e os franceses perderam. Aí, com isso, Quebec se tornou uma provínica francofônica (que fala francês) enquanto o resto do Canadá é anglofônico (que fala inglês).

O pessoal daqui luta muito pra manter a cultura. Isso é um ponto positivo porque a cultura local é bem diferene do resto do Canadá. Aqui segue-se o ritimo europeu, ou seja, o pessoal ama mesmo é aproveitar e não "fazer dinheiro" como pensa o capitalismo. Por isso vemos os parques cheios nos finais de semana e durante a semana também. As pessoas curtem programações culturais (Montreal tem festival de tudo o que vocês pensarem. Essa semana tá começando o de Jazz e tá acontecendo também o de fogos de artifício) e artísticas. Ninguém aqui vive pra ganhar dinheiro e ter coisas. Não existe muita diferença social.

Em compensação, junto com a tentativa de manter a cultura, vem também a tentiva de prevalecer sobre o resto. Vou tentar explicar: os quebeois são um povo que acreditam que Quebec é mais do que o Canadá. Eles lutam pela separação e não se consideram canadenses. E com isso, estão sempre inventando um monte de picuinhas. Exemplo: todo o Canadá tem um código de trânsito. O Dé, que mora em Toronto, quando vem aqui fica totalmente perdido porque aqui existem regras diferentes e não simples de circulação de carro. Muitos certificados emitidos aqui não vale pro resto do Canadá e vice versa, o francês falado aqui parece um dialeto de tão diferente e cheio de nehnehm e sotaque e se você insiste em falar o francês como na frança (que é bem mais bonito e compreensível) você toma cada cortada...coisas assim, pequenas, bobas e que as vezes nos dá muita preguiça.

Não sei se consegui passar pra vocês o que eu quis dizer mas a verdade é que eles idolatram a província onde moram e cospem no país onde está a província onde moram porque acham que Quebec tinha que ser um país separado do Canadá.(ufa, que confusão). Brigas a parte, o estilo de vida aqui é bem gostoso e é o que nos fez escolher Montreal. Mas acho, pessoalmente, que existe muuuuuita picuinha por parte de Quebec em relação ao resto do Canadá.

A minha alegria é que sou brasileira e tô "sambando" pra essas coisas! Não sei o porquê do feriado mas fui também pras ruas (NUNCA de azul e branco) e me diverti bastante.
Fomos assistir ao desfile de carros alegóricos (tadinhos, acharam que estavam abafando. Ai se eles vissem o nosso carnaval!!!!)





Foi tudo bem legal, principalmente porque foi a primeira vez. O dia estava muito bonito, um calor enorme e depois choveu e depois fez calor e depois ventou e choveu e fez calor....enfim, é verão!!!!
Vimos um pedacinho de um discurso (pedacinho mesmo. A conta de tirar a foto e sair).
E depois fomos pra cada da Ila e do Luciano (esse aí super elegante de preto e branco). Aí sim a diversão começou. Criamos uma competição gastronômica (depois de comermos até pecar na casa da Bia) e eles bombaram. Tô morrendo de medo porque qualquer dia o encontro vai ser aqui em casa. Mas eles disseram que não tem problema pedir pizza!!! Menos mal! Só sei que ficamos lá até anoitecer, ou seja, bem depois das 10 da noite! A vontade é sempre de ficar e comer e conversar e continuar...mas tínhamos a labuta do dia seguinte!!!

domingo, 22 de junho de 2008

Então,

como todo mundo tá acompanhando, eu e Pipe Lindo nos mudamos e estamos mobiliando a nova Toca aos pouquinhos, na medida do possível. Temos aproveitado promoções e boas oportunidades.

Semana passada compramos um sofá cama (já pensando na galera toda que tá promentendo vir nos ver). O sofá é lindo, novo, ótima qualidade e muito bom preço. Só que sempre tem o problema de como fazer a entrega porque não temos carro e alugar é meio complicado.

Então os nossos amigos Luciano e Ila se dispuseram (meio a força) a nos ajudar.

Eu e Pipe ficamos tão felizes de podermos ter contado com os dois. Nos sentimos muito acarinhados por Deus através da disposição do coração dos dois. Ficamos sem ter como agradecer e aí eu falei: vou tirar uma foto pra ir pro blog.

Aí, esse post é o post de gratidão aos dois que nos ajudarm muito. E foram os primeiros a se sentarem no novo sofá cama. E esperamos de coração que seja só a primeira de muitas vindas aqui em casa.


( essa foto tá parecendo uma caixinha de lápis de cor, do jeito que eu gosto)
Bom, aí depois da história toda do sofá, fomos pra casa da Bianca. Entendam bem: ir na casa da Bianca= comer bem. Foi bom demais. Jogamos wii, rimos, brincamos e comemos até pecar! Ai, a gula!!! Pena que só tinha uma pança, se não ia comer mais ainda. A Bianca quis ver se sabia fazer comida mexicana e, sinceramente, tava melhor do que a do restaurante que fomos uma vez. Sem contar a companhia que não dá vontade nunca de ir embora.
De lá, lá pelas 21h, fomos procurar um lugar bacana pra ver o festival de fogos de artifício que começou essa semana. Acabamos parando num mirante no parque Mont Royal. Os fogos na verdade ficavam beeeeeeeeeeeeem longe dali mas deu pra ver um bocado e foi bem bonito. MAs combinamos de sábado que vem irmos mais cedo (bem mais cedo) pro parque onde acontece o festival de fogos porque dessa vez queremos ver de camarote.
De toda forma, a noite foi bem divertida. O que a gente não faz com uma câmera na mão, né?
Esses aí são os malas: Luciano Floripa, Pipe Lindo BH, Adilson ABC Paulista, Rodrigo Resende-SP. É muito legal quando a gente se junta e aí no meio da conversa não entendemos alguma coisa que o outro falou por causa do sutaque ou modo de falar mesmo, bem regional. E é engraçado como que assim o Brasil fica menor...
O Luciano prometeu que vai depilar a perna pra próxima foto.
Eu, Lu (do Rodrigo) e Ila (do Luciano).
Eu e PIpe, Bia e Adilson, Rodrigo e Lu, Lu e Ila
As meninas super poderosas.
Os caras que dão trabalho.
Todo mundo junto.


quinta-feira, 19 de junho de 2008

Salut, todo mundo.

Ontem fomos assistir ao jogo Brasil x Argentina num bar aqui em Montreal. Foi tudo meio em cima da hora mas realmente não poderíamos perder isso.

Lá no bar (que estava lotado) metade era argentino e metade brasileiro. Realmente não sabíamos que tinha tanto argentino aqui. Mas o legal foi que a cada vez que os argentinos se levantavam pra cantar e torcer, os brasileiros levantavam junto e literalmente "calavam a boca" dos argentinos. Cantávamos mais alto e mais animados.

Brasil e Argentina sempre foi motivo de muita expectativa e rivalidade mas quando estamos longe de casa é tudo muito diferente e tudo fica maior. O nosso amor pelo Brasil, a vontade de ver a Seleção golear, a saudade, as cores da camisa...eu só fiquei imaginando como vai ser a próxima Copa do Mundo aqui. Já nos contaram que uma das ruas de Montreal simplesmente se fecha pra festa brasileira.

Fiz um vídeo da hora do Hino Nacional. Sempre me emocionei com o Hino e ontem então....

Eu e nosso amigo Daniel, recém chegado e novo morador da nossa antiga casa, na porta do bar cujo o nome eu esqueci.
Olha que gatinho, gente. Ah, não podia deixar de mencionar que estámos os dois vestidos com as camisas que ganhamos de presente da Ana Brisa!
Aqui é a turma toda. Esse do lado do Pipe é o Nicola (provavelmente escrevi o nome dele errado). Ele é francês e mora aqui em MOntreal e foi lá pra entender o que é um Brasil x Argentina. Saiu de lá impressionado e disse que gostou demais.

video

segunda-feira, 16 de junho de 2008

Continuando o último post...

ontem o Pipe chegou em casa do trabalho com essas flores na mão.

Mais uma vez, fui surpreendida e fiquei felicíssima.

Também agarrei bastante o Pipe e percebi que sou cada vezmais apaixonada por ele.

Agora elas estão no meu quarto novo, do lado da cama nova. Olho pra elas e lembro do Pipe e do carinho que Deus tem tido comigo e com ele.



domingo, 15 de junho de 2008

Deus sabe mesmo como me agradar!

Este post é pra mostrar como que as mínimas coisas são capazes de mudar um dia na nossa vida. E como as pequenas coisas são tão importantes pra gente. Pelo menos é assim que eu penso e agradeço a Deus todos os dias por me fazer capaz de me alegrar profundamente com coisas tão singelas do nosso dia a dia. Já cansei de ver e sentir Deus assim, quando estava andando na rua e vi uma folhinha cair da árvore. Na hora pensei que aquela folha poderia ter caído a qualquer momento, qualquer dia ... mas caiu exatamente naquele instante em que eu estava passando e graças a Deus pude reparar nela e sentir a presença de Deus ali, "só" por ter visto isso.

Enfim, coisas inexplicáveis que só quando acontece que a gente entente.

Mas o post é pra mostrar dois presentes que recebi esses dias.

O primeiro foi do Antoine, meu predileto. Ele chegou um dia lá na garderie com essa florzinha na mão e foi correndo e tombando me entregar. Não dá nem pra explicar a alegria e gratidão que senti na hora! Guardei com maior carinho (depois de encher ele de beijos e abraços e mordidas e cheirinhos) e quando cheguei em casa contei pro Pipe que tinha ganhado flores de um rapaz. Ele morreu de rir quando contei que era do Antoine (é o preferido dele também).
E na sexta passada, o Kai chegou lá na garderie com a blusa do Brasil. É só a segunda vez que vejo ele e na hora falei com a mãe dele: "olha só, a camisa do Brasil. Eu sou brasileira!" Ela disse: "eu sei e foi por isso mesmo que ele veio com a camisa, pra te homenagear. " Agarrei ele demais também!

Deus sabe mesmo como me agradar!!!!

sábado, 14 de junho de 2008

Bom, pessoal.

Como já havia comentado, estamos de mudança. E esse final de semana com o pessoal todo aqui foi imprescindível pra gente.

Como não sou boba nem nada, aproveitei a mão de obra barata pra fazer o serviço bruto. Providenciei uma febre repentina e o resultado foi que todo mundo trabalhou bastante e eu olhei bastante. rsrsrsr

Brincadeiras a parte, eu não sei o que seria de mim e do Pipe se não fosse a família toda e os amigos ajudando.

Aos poucos vou mandando as fotos das etapas da mudança.


Aqui o Dé e a Ana Brisa estavam tentando colocar a cortina na porta da maneira mais reta possível.
Isso porque moro numa casa torta, com a porta torta, as paredes tortas e tô começando a achar que eu é que sou a torta. Mas torta de banana e de frango que é bom mesmo eu ainda não vi!!!!!
Até Tia Albinha pegou pesado. Fez cada manobra pra conseguir limpar tudo direitinho...o Tio Mário também não ficou pra trás. Eu ainda vou achar as fotos dele capinando o quintal e carregando tábua da frente pra trás da casa e depois de trás da casa pro porão e de lá...bom, ainda tá lá!
Como tudo o que acontece com a gente tem um toque de esquisitice, durante a mudança, como se não bastasse todo mundo pra lá e pra cá fazendo limpeza, montando móveis, transportando coisas mil, apareceu esse gatinho aí. Primeiro ele ficou rondando, olhando, observando.
Fui tentar estabelecer contato (afinal, a política da boa vizinhança é importante) e logo descobri que ele é facinho facinho, igual a gente mesmo. Ele se parece bastante com o Garfield.
E na sequencia descobri que ele é folgado. Descobriu o tapetinho novo e gostou bastante. As vezes quando íamos procurá-lo, encontrávamos o danadinho na janela da frente olhando pra rua ou na cadeira nova que o Tio Mário pegou na rua.
Foi até gostoso ter um bichinho de novo dentro de casa. Mas que as minhas cachorras não escutem isso!!!!!

quinta-feira, 12 de junho de 2008

alô amigos!

Aí vão mais algumas fotinhas do fim de semana com os meninos aqui. Foi bom demais. A única coisa que atrapalhou um pouquinho foi o calor enlouquecedor e inexplicável!

Mas é como sempre costumo dizer: não importa onde estamos e sim com quem estamos!!!
E o resultado foram momentos de chorar de rir!!!!

Os caipiras no parque! Posso falar isso porque o único nordestino tava tirando a foto!
Eu e o Dé: os mais sérios da turma sempre!
Daí saímos do parque e fomos pro centro da cidade porque por causa da Fórumula 1, a cidade estava lotada e cheia de festas e eventos!
E aproveitamos o último desfile do Festival de Moda de Montreal. Ficamos chocados de ver a falta de beleza das modelos.
Mesmo com desfile de biquines os meninos não quizeram ficar nem 5 min vendo. Por aí vocês imaginam a belezura que eram as modelos! Só sei que chegamos em casa tarde e cansados. Os dias aqui têm sido longos por conta do verão, tem anoitecido lá pelas 21h. Isso faz a gente ficar mais cansados porque estamos acostumados a achar que enquanto tem sol, tá cedo.
Doce ilusão!!!!! Nesta foto, por exemplo, já eram umas 21 horas!!!
Depois fomos pra casa porque tinha uma picanha nos esperando!

terça-feira, 10 de junho de 2008

Amigos,

me desculpem o sumiço mas é que esses últimos dias têm sido muito corridos. Fizemos um bom negócio e por isso estamos de mudança essa semana toda pois temos que entregar o ap até sábado. Ou seja: temos que mobiliar e equipar uma casa inteira pagando barato! Além disso, estamos trabalhando, estudando e etc, etc...

E esse final de semana teve o Gran Prix de Fórmula 1 de Montreal. A cidade estava uma festa só e nossos queridos de Toronto vieram pra ver a corrida e ficar hospedados aqui em casa. E no domingo, meu sogros queridos e minha cunhada vieram pra uma visita rápida de 3 dias. E, ainda, esse final de semana tá um calor inexplicável aqui de 37 º e muito úmido, igual ao calor do Rio. Ufa! Coisa demais, muita emoção no coração. Resultado: ontem eu estava com 38,5º de febre. Acho que é o cansaço junto com mil coisas a fazer! Tô melhorando agora.

Depois vou escrever melhor sobre as últimas novidades. Mas vou deixar vocês com algumas fotos do final de semana.

Eu comendo o pão com linguiça do Marchê Jean Talon. Bom demais!
O Marchê Jean Talon está lindo com muitas flores expostas. Essa foto é pra Nina que disse que ama margaridas e pediu pra lembrar dela quando visse margaridas pelo caminho.

Isso aí é eu e Pipe num Parque. Cheguei correndo pra ficar com o porquinho mas mesmo assim tive que brigar com o Pipe pra ficar com ele.
Bom, em breve escrevo mais e assim que der, coloco fotos do ap novo aqui.

Bjim pra todo mundo

domingo, 1 de junho de 2008




Eu estou devendo esse post já tem um tempo. Mas é que ultimamente temos estado muito atarefados com nossos e estudos.


Dia 19 de maio foi feriado aqui e aí fomos na casa da amiga do Pipe lá do curso de francês. Ela se chama Bianca e é brasileira também. Fo

mos eu, Pipe Lindo, ela e o marido e mais um casal: Ivone (colombiana) e Manuel (cubano). Foi uma tarde muito gostosa. O Adilson, marido da Bianca, tem o Nintendo WII e resolvemos jogar pra ver se realmente era legal.

Gente, o vídeo game é simplesmente demais! Eu que não ligo muito pra essa coisas me viciei no joguinho de corrida de vacas. Ganhei todas do Pipe!!!! Agora quero um de qualquer jeito!!!!